Cuidado com o chapéu de “burro”

Antigamente, o chapéu de “burro” era utilizado como forma de punição das crianças que não aprendiam ou tinham dificuldades escolares. Hoje, esta prática não é utilizada, no entanto algumas famílias continuam a se referir às crianças desta forma.

Colocam um chapéu invisível, porém visível ao coração!

Xingar a criança ou jovem de burro ou alegar que não vai ser nada pois não consegue aprender, são formas de convencê-lo desta mentira. Estas atitude propiciam o aumento das dificuldades escolares e de aprendizado de vida.

Tenha certeza de que ele vai acreditar em você!

Então convença-o de aspectos positivos e de sua capacidade em superar desafios e de fazer dar certo!

O aprendizado escolar depende, também, de autoconfiança! Mas para que ele desenvolva esta capacidade precisa que tanto a família quanto o profissional façam elogios quando houver conquistas!

Não coloque o chapéu!

Cris Sousa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *